Avenida Indianópolis, 171 - Moema - São Paulo - SP - 04062-001

(11) 95899-1051

Avenida Indianópolis, 171 - Moema - São Paulo - SP - 04062-001

Dúvidas Frequentes

Quanto tempo dura a Fertilização in Vitro (FIV)?

Na verdade, não há um tempo mínimo ou máximo para a realização da Fertilização in Vitro (FIV). Por quê?
 Porque cada caso é diferente, possui suas particularidades e complexidades, entende? O primeiro passo da FIV é estimular a produção de óvulos (lembra que falamos sobre isso esta semana?). Mas, antes disso, há uma avaliação minuciosa do casal com exames importantes para determinar fatores essenciais do tratamento, que é bastante personalizado.

Em seguida, após essa análise e depois da estimulação ovariana, os óvulos são coletados por via vaginal, com a paciente sedada, e enviados para o laboratório para serem fertilizados pelos espermatozoides.

Logo após, há um acompanhamento de perto e diário do crescimento do embrião que, posteriormente, é transferido para o útero da mulher, o que costuma acontecer até o quinto dia após a fecundação. Todo esse processo (fiz aqui apenas uma síntese) pode durar de 15 a 20 dias, mais ou menos. Só que é como falei antes: é algo bem variável, principalmente, se envolver, por exemplo, a utilização de embrião congelado, que é uma das opções possíveis dentro do tratamento (o embrião pode ficar congelado por vários anos para implantação futura, você sabia?).

Quais as chances de ter gêmeos na Fertilização in Vitro (FIV)?

Essa é uma dúvida comum e bem interessante que surgiu por aqui: durante a FIV, a probabilidade de engravidar de gêmeos fica, aproximadamente, entre 20% e 30%. Na verdade, essa probabilidade é muito dependente do número de embriões. Se for transferido apenas um 1 embrião, a chance de uma gestação gemelar é pequena, já a partir de 2 embriões, a probabilidade é maior e pode chegar até a 39%. .
O Conselho Federal de Medicina (CFM) faz algumas recomendações importantes:

- Mulheres com idade de até 35 anos podem receber no máximo dois embriões;
- Entre 36 e 39 anos, a limitação passa a ser três embriões;
- Idade superior a 40 anos, o limite indicado é de até quatro embriões.

Ah, e no caso de receptoras de óvulos doados, o que conta é a idade da doadora, ok?

« Voltar